quarta-feira, 21 de junho de 2017

às vezes o medo da morte é bem prepotente e diz:

eu tenho medo de deixar as coisas perdidas sem mim, desamparadas entre tantos manuscritos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário